COLÓQUIO BAIANO TEMPOS, ESPAÇOS E REPRESENTAÇÕES: ABORDAGENS GEOGRÁFICAS E HISTÓRICAS --- ISSN 2359-1218, Vol. 1, No 1 (2013)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

MODELO PARA GESTÃO DE RESÍDUO DA CONSTRUÇÃO CIVIL DE VITÓRIA DA CONQUISTA

Andressa Caroline De Battisti

Resumo


A indústria da construção civil gera, anualmente, milhares de toneladas de resíduos sólidos e outros, que se transformam em graves problemas urbanos e requer um gerenciamento oneroso e complexo. Em Vitória da Conquista, os aterros de resíduos de obras tem sido a opção para a destinação final desses resíduos. A legislação determina a necessidade da elaboração de um plano de gestão para garantir a deposição adequada desses resíduos visando à sustentabilidade ambiental. Neste cenário, a reciclagem e a logística reversa dos resíduos da construção civil vêm se apresentando em regiões que têm polaridade de desenvolvimento como importantes alternativas para a sustentabilidade, considerando o impacto ambiental causado pelos resíduos, além de serem apontadas como uma solução viável do ponto de vista técnico, econômico e social. Neste contexto, o trabalho em pauta propõe discutir o impacto ambiental provocado pela geração de resíduos da construção civil devido a sua disposição inadequada. Primeiramente, foi estudada a legislação e literatura sobre o tema, em seguida mapeamento das regiões de aterro através de georeferenciamento na cidade de Vitória da Conquista,para posterior tratamento dainformação e desenvolver um modelo “piloto” de gestão de resíduos sólidos da construção civil, baseado em modelagens e simulações em ambientes computacionais.
Palavras-chave: Gestão de resíduos; logística reversa; construção civil.

Texto Completo: PDF