Floema. Caderno de Teoria e História Literária, No 11 (2015)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

O Espaço na Construção de Angústia

Elizabeth Ramos

Resumo


Angústia, terceiro romance de Graciliano Ramos, foi publicado em agosto de 1936. O sentimento que dá título à obra reflete a própria inquietação do autor perseguido pela ditadura getulista, conforme registrado no seu  Memórias do cárcere, livro que começa a compor dez anos após libertado da prisão. A tessitura da narrativa do romance e a construção do crescente sentimento de angústia se dão a partir da visão de mundo do personagem central, Luís da Silva, das repetições e introspecção, além do espaço degradado que sufoca e aflige o leitor.


Texto Completo: PDF

Floema. Caderno de Teoria e História Literária

ISSN 2177-3629 (versão eletrônica)

ISSN 1807-541X (versão impressa)                                                      floema.cthl@gmail.com

                                                                UESB Edições UESB