ODEERE, Vol. 2, No 4 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

SEGREGAÇÃO RACIAL, TERRITÓRIOS NEGROS E SAÚDE MENTAL

Reinaldo José de Oliveira

Resumo


No presente texto, trago para reflexão a segregação racial e a territorialidade negra com ênfase na saúde mental da população negra. De um lado, a segregação racial é abordada por intermédio da literatura que observa o espaço e as relações étnicas e raciais. De outro lado, o território e a territorialidade negra diz respeito aos espaços e lugares vivenciados por homens e mulheres negras que lutam por cidadania.

A saúde mental é abordada sob duas perspectivas: os territórios e territorialidades negras e a segregação racial, em ambos cenários, temos a construção e desconstrução das emoções, sentimentos, dores, sofrimentos, identidades, histórias e lutas. 


Texto Completo: PDF

INDEXADORES: