Práxis Educacional, Vol. 13, No 25 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Neurociências para estudantes: o livro didático e projetos de intervenção

Mauren dos Santos Oliveira, Fernanda Antoniolo Hammes de Carvalho

Resumo


Na adolescência, o jovem vivencia uma fase de questionamentos acerca de sua identidade e de seu futuro e a autopercepção tem papel significativo nos comportamentos a serem adotados. O texto tem como escopo promover uma reflexão acerca da possibilidade de ampliar a autopercepção nos adolescentes através da exploração do conteúdo científico na área de neurociências. Tem-se como premissa o fato de que o conhecimento neurocientífico, ao propiciar um melhor entendimento do funcionamento do cérebro quando atrelado a situações cotidianas, tanto no âmbito cognitivo como social, pode contribuir para mudanças conceituais, as quais podem passar a constituir referencial para alterações comportamentais. Nesse sentido, a educação formal pode contribuir significativamente, tendo como alternativas a inserção dos conteúdos nos livros didáticos, em especial na área de biologia e programas de intervenção.

Palavras-chave: Autopercepção do adolescente. Neurociências. Projetos de intervenção.


Texto Completo: PDF