Anais da Semana de Agronomia da UESB (SEAGRUS), Vol. 1, No 1 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

CONTROLE DE PLANTAS DANINHAS COM OXYFLUORFEN APLICADO VIA ÁGUA DE IRRIGAÇÃO NA CULTURA DO EUCALIPTO

Gabriela Leite Silva, Aderson Costa Araújo Neto, Caroline Boaventura Nascimento Penha, Raelly da Silva Lima, Alcebíades Rebouças São José, Pablo Ruan de Lima Alves

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar e avaliar o controle de plantas daninhas com oxifluorfeno aplicado em pré-emergência via água de irrigação na fase inicial de implantação da cultura de eucalipto. O experimento foi conduzido na área experimental da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, Campus Vitória da Conquista, em delineamento em blocos ao acaso com quatro repetições. Os tratamentos consistiram em cinco doses do herbicida oxifluorfeno (0, 360, 720, 1080 e 1440 g ha-1 de ingrediente ativo, da formulação comercial Goal®), dois modos de aplicação (na planta e no solo) e Dois Volumes de água de irrigação (5 e 10 litros). As ervas daninhas presentes nas plantações de eucalipto foram identificadas e quantificadas para determinar o número de indivíduos na área amostrada. A comunidade de plantas daninhas identificada na área de plantio de eucalipto consistiu de 27 espécies de ervas daninhas, distribuídas em 23 gêneros e 11 famílias botânicas. O oxifluorfeno de pré-emergência via água de irrigação a 1080 e 1440 g i.a. Ha-1 proporciona maior eficiência no controle de plantas daninhas no estágio inicial de implantação da cultura de eucalipto.

Texto Completo: PDF