Anais da Semana de Agronomia da UESB (SEAGRUS) - ISSN 2526-8406, Vol. 1, No 1 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

DESEMPENHO FISIOLÓGICO DO FEIJÃO-CAUPI SUBMETIDO Á IRRIGAÇÃO COM ÁGUA SALINA EM DIFERENTES FASES FENOLÓGICAS

Lorena Júlio Gonçalves, Cristiano Tagliaferre, Amon Silva Pereira Costa, José Moreira Gonçalves, Diogo Ulisses Gomes Guimarães, Guapeí Vasconcelos Veras

Resumo


Este trabalho teve como objetivo avaliar o desempenho fisiológico do feijão-caupi submetido àirrigação com água salina em diferentes fases fenológicas. O trabalho foi desenvolvido na ÁreaExperimental, pertencente à Universidade Estadual Sudoeste da Bahia – UESB, campus de Vitória daConquista – Bahia. O delineamento experimental utilizado foi o inteiramente casualizado com setetratamentos e três repetições. Os tratamentos empregados foram: T1 – testemunha, água de poço comcondutividade elétrica de 0,07 dS m-1; T2 – água salina (2,5 dS m-1) durante todo o ciclo; T3 - água salina de0 à 33 dias após a semeadura (DAS), T4 - de 0 à 60 DAS, T5 - de 33 à 60 DAS e T6 – de 60 à 82 DAS e T7– água salina e doce em semanas alternadas. As plantas dos tratamentos T3, T4, T5 e T6 foram irrigadas comágua de poço nas demais fases do ciclo. Aos 33, 60 e 82 DAS foram analisados área foliar (AF), razão deárea foliar (RAF), taxa fotossintética (A), condutância estomática (gs), taxa de respiração (e) e produtividade(Y). As características avaliadas não apresentaram diferenças significativas entre os tratamentos, porém,ocorreram diferenças numéricas expressivas com relação à produtividade

Texto Completo: PDF

ISSN 2526-8406