Anais da Semana de Agronomia da UESB (SEAGRUS), Vol. 1, No 1 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

PERFIL FÍSICO-QUIMICO DA CACHAÇA PRODUZIDA NO MUNICÍPIO DE BARRA DO CHOÇA-BA

Ingrid Thalia Prado de Castro, Joara Silva de Oliveira, Clodoaldo da Silva Freire Neto, Ranyelly Leão Coutrim, Luiz Humberto Souza, Roseane Mendonça de Figueiredo

Resumo


Este trabalho teve como objetivo indicar os Padrões de Identidade e Qualidade (PIQs) para a aguardente de cana-de-açúcar e cachaça na região de Barra do Choça.  Em relação à área plantada de canade-açúcar o município ocupa o 3º lugar da microrregião de Vitória da Conquista, com 200 hectares plantados, produção de 12.000 toneladas e rendimento médio de 60 toneladas por hectare. O município de Barra do Choça tem como principal derivado da cana-de-açúcar a cachaça artesanal, tendo esse aspecto em vista, foi encaminhado por produtores, amostras  da safra 2016 de cachaças de alambiques localizados nas comunidades de Barreiro, Lagoa Verde, Ingazeira e Baixinha,  ao laboratório de análise de alimentos e bebidas da UESB e determinadas o teor alcoólico e o grau brix (%), posteriormente o resultado foi comparado com os parâmetros estabelecidos pela legislação brasileira. De acordo com o teor alcoólico todas foram classificadas como cachaça e apresentaram teor de açúcar acima do permitido pela legislação.

Texto Completo: PDF